Polícia prende homem suspeito de atirar em PM no Igapó

Eduardo Silvério também foi baleado na ação e foi preso dentro do hospital

Foto: Sérgio Costa/Portal BO
Foto: Sérgio Costa/Portal BO

O policial militar Célio Dantas, baleado no ombro na tarde desta quarta-feira (25) ao sair da casa do pai, no bairro do Igapó, reconheceu um dos suspeitos do crime ainda no hospital Santa Catarina, onde foi socorrido. O homem, que segundo a vítima foi o autor dos disparos, também foi baleado e procurou socorro médico horas depois do fato.

De acordo com o sargento Eclésio, da força tática do 4º Batalhão da PM, o suspeito identificado como Eduardo Tibério da Silva, de 28 anos, tentou forjar um atentado para se livrar da culpa, mas foi desmascarado dentro da unidade hospitalar pela própria vítima. “Ele já tinha sido preso por porte de arma há alguns dias e, nesta tarde, tentou assaltar o PM acompanhado de outro homem que ainda não temos a identificação”, disse.

A reportagem conversou com o policial baleado na tentativa de assalto, o soldado Dantas relatou que reagiu para que os tiros do assaltante não atingissem o filho e pai dele que estavam próximos. “Foi muito rápido, mas eu percebi que se tratava de um assalto logo com a aproximação da dupla na moto. Acredito que ele viu a minha arma ou me reconheceu como PM e atirou, revidei para proteger meu filho e meu pai”, destacou.

O suspeito sofreu dois tiros que atingiram as nádegas. Por esse motivo, foi submetido a uma cirurgia, depois medicado e, em seguida, será levado para a delegacia onde deverá ser autuado por tentativa de homicídio.

Fonte: Portal BO

Compartilhar: