Policial Militar suspeito de assassinar namorada se entrega à polícia

Justiça expediu mandado de prisão contra Leandro Pinto de Carvalho

Corpo de Fabíola foi encontrado no domingo na casa do suspeito. Foto: Divulgação
Corpo de Fabíola foi encontrado no domingo na casa do suspeito. Foto: Divulgação

O PM Leandro Pinto de Carvalho, suspeito de matar a dentista Fabíola da Cunha Peixoto, se entregou na tarde desta segunda-feira (28) na DH (Divisão de Homicídios). Segundo a polícia, Leandro era considerado foragido da Justiça desde domingo (27), acusado de matar a namorada em Olaria, zona norte do Rio. Carvalho foi indiciado por homicídio qualificado.

Fabíola tinha 25 anos e o corpo dela foi encontrado com marcas de tiros no domingo, em uma casa de Olaria. De acordo com a Polícia Civil, a casa seria de Carvalho. Uma perícia foi realizada no local.

A Justiça já expediu mandado de prisão temporária de 30 dias contra ele pelo crime de homicídio qualificado por motivo fútil.

Conforme mostra a página da dentista em uma rede social, o relacionamento dela com o cabo começou em junho do ano passado.

Em uma postagem, há menos de um mês, a moça fez uma declaração de amor ao namorado no perfil, colocando como imagem principal uma foto do casal acompanhada de frases apaixonadas.

Fonte: R7

Compartilhar:
    Publicidade