Potiguar Bethe Pitbull vence na estreia do UFC Fight Night na Austrália

A brasileira dominou por mais tempo na luta agarrada e foi eleita vitoriosa por decisão dividida dos juízes

Bethe Correia "Pitbull" foi vitoriosa. Foto: Divulgação
Bethe Correia “Pitbull” foi vitoriosa. Foto: Divulgação

Um empolgante duelo feminino abriu o card principal do UFC Fight Night 33, na madrugada deste sábado (horário de Brasília), em Brisbane, na Austrália. Estreante no Ultimate, a potiguar Bethe Pitbull venceu a americana Julie Kedzie, depois de três rounds equilibradíssimos, por decisão divida dos juízes. Antes do anuncio oficial de Bruce Buffer, a  norte-rio-grandense comemorou o triunfo com uma ‘dancinha’ no octógono.

Com o resultado, Bethe Pitbull estreia em grande estilo no UFC e amplia a invencibilidade para oito lutas. Por outro lado, Julie Kedzie sofre a quarta derrota consecutiva. A ‘Fireball’ vem de reveses contra Germaine Randamie, na primeira luta pelo Ultimate, e para Miesha Tate e Alex Davis, ainda no extinto Strikeforce.

Bethe e Julie  partiram para a trocação no primeiro round. A norte-americana aplicou um chute rodado na adversária, que chegou a se desequilibrar, além de um cruzado de esquerda. A brasileira respondeu com boa sequência de golpes e terminou o assalto em vantagem. O ritmo intenso caiu no segundo round. As lutadoras ficaram na luta agarrada junto á grade, com vantagem para Pitbull.

O terceiro round combinou equilibrado. Kedzie tentou um direto de direita e foi respondida com um cruzado de esquerda. Após sequência intensa de golpes, as lutadoras se cansaram e partiram novamente para a grade. A norte-americana levou vantagem nos golpes conectados, mas a brasileira dominou por mais tempo na luta agarrada e foi eleita vitoriosa por decisão dividida dos juízes

Compartilhar: