PMN mantém prevenção, recuperação e assistência às famílias de Mãe Luiza‏

O serviço de aterramento já avançou bastante e se aproximou do centro do desabamento da encosta

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

As chuvas deram uma trégua na capital potiguar, mas a assistência às famílias que tiveram as casas atingidas e o trabalho de prevenção a novos alagamentos e desabamentos realizado pela Prefeitura do Natal continua em toda a cidade. As secretarias continuam a atuar de forma integrada a fim de prestar o melhor serviço à população natalense.

O trabalho da secretaria municipal de Obras Públicas e Infraestrutura (Semopi) em Mãe Luiza segue em ritmo acelerado. O serviço de aterramento já avançou bastante e se aproximou do centro do desabamento da encosta. Além disso, a equipe do órgão conseguiu prolongar às tubulações que dão vazão as águas pluviais sobre a lona existente e a Companhia de Águas e Esgoto do Rio Grande do Norte está fazendo a mesma intervenção no sistema de esgotamento sanitário da região da Rua Guanabara.

O titular da Semopi, Tomaz Neto, informou que se continuar sem chover a secretaria vai iniciar a instalação de um muro de contenção no aterro executado ainda na manhã desta quinta-feira (26). Esse muro será feito com sacos de areia geoforma flexível do tipo bigbag: “Esse muro irá até a altura do aterro”, explicou o secretário. As lonas anteriormente instaladas serão mantidas. O monitoramento das lagoas de captação da cidade também continua. Em virtude de picos de energia e do grande trabalho de escoamento realizado nos últimos dias, seis bombas queimaram, mas os reparos já estão sendo feitos e até sexta-feira (27) todas serão reinstaladas.

A população dos locais atingidos pelas chuvas também estão recebendo o apoio permanente da secretaria municipal de Trabalho e Assistência Social. Em relação às famílias atingidas pelas chuvas, foram realizadas até o momento, 462 Cadastros de Famílias em toda Natal, este número já é uma avaliação após a primeira triagem que retirou alguns cadastros duplicados, ou até mesmo triplicados. As equipes da Semtas também estão dando apoio irrestrito às 42 famílias que estão alojadas em abrigos. Todos os espaços estão sendo atendidos e visitados diariamente para levantamento e entrega das demandas

Foi entregue um total de 11.137,5Kg de alimentos, dentre eles: arroz, feijão, açúcar, farinha, leite, café, biscoito, macarrão, fubá de milho. Além destes foram entregues alimentos já prontos e alguns perecíveis como: pães, mortadelas, ovos, verduras, frutas, dentre outros. Locais atendidos: Mãe Luiza, Comunidade do Jacó, Areia Preta, Praia do Meio, Rocas, Lagoa do São Conrado (Dix-sept Rosado), Cidade da Esperança, Zona Norte (Pajuçara, Panatis, Potengi, Santarém, Parque Floresta), Lagoa do Preá (Nova Descoberta)

Um mutirão formado pela Prefeitura do Natal, por intermédio de equipes da Secretaria Municipal do Trabalho e da Assistência Social (Semtas), e pelo Exército Brasileiro efetuou nesta terça-feira (24) a entrega de kits com alimentos, peças de vestuário e materiais de higiene a 270 famílias de Mãe Luíza cadastradas pelo Município. Os materiais foram doados pelos natalenses na campanha coordenada pela Prefeitura e promovida desde o início das ocorrências das fortes chuvas no bairro e em outras regiões da cidade.

O trabalho dos membros da Defesa Civil municipal também não parou nos últimos dias. Para aumentar a segurança na região de Mãe Luiza o cinturão da zona de risco foi ampliado. O secretário municipal de Defesa Social, Paulo César Ferreira, anunciou que entregou na secretaria municipal de Planejamento todos os autos de infração realizados pela Defesa Civil para que estes sejam encaminhados até o Ministério da Integração.

O comitê permanente para atender a população segue instalado na Escola Municipal Antônio Campos e o Grupo de Ação de Emergência da secretaria está de prontidão. A equipe de elite da defesa civil municipal estará de prontidão para atender qualquer chamado de emergência. São 6 (seis) equipes de 4 (quatro) agentes de plantão 24 horas por dia para atender as demandas existentes em Natal. Os serviços podem ser acionados pelos números 190 e 199.

 

Compartilhar:
    Publicidade