Prefeitura e FIFA promoverão Seminário sobre Programa de Proteção às Marcas na Copa do Mundo

O seminário também será uma oportunidade para os empresários esclarecerem suas dúvidas sobre o funcionamento do comércio durante o Mundial de Futebol em Natal e nos dias de jogos da Seleção Brasileira

Foto:Divulgação
Foto:Divulgação

A preocupação da Fifa no controle das restrições comerciais para a Copa do Mundo Brasil 2014 será debatida nesta semana em Natal. A Prefeitura do Natal, por meio das secretarias municipais de Serviços Urbanos (Semsur), de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) e de Comunicação Social (Secom), vai promover em conjunto com a entidade nesta quarta-feira (19), a partir das 9 horas, no auditório da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), um seminário destinado a esclarecer para empresários, comerciantes, publicitários e jornalistas as normas sobre o Programa de Proteção às Marcas adotadas para a Copa do Mundo. O evento contará com a presença do líder da equipe de Proteção de Marcas da Fifa, Auke-Jan Bossenbroek, e também de representantes nacionais do órgão, Vicente Rosenfeld e Anna Claudia Toledo.

Na semana passada, o secretário municipal de Serviços Urbanos, Raniere Barbosa, e o secretário-adjunto de Comunicação Social, Marcos Alexandre, reuniram-se com o presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado (Fecomercio/RN), Marcelo Fernandes Queiroz, e o vice-presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas de Natal, Augusto Vaz, para convidar dirigentes das duas entidades para o seminário, bem como para pedir o apoio deles no sentido de mobilizar o segmento empresarial para participar e conhecer o Programa de Proteção às Marcas para a Copa.

Durante o Seminário, serão apresentadas aos empresários, agências de publicidades e à imprensa as ações voltadas para os dias dos jogos da Copa, vez que haverá uma área de restrição comercial no entorno dos estádios e dos locais oficiais do evento. O seminário também será uma oportunidade para os empresários esclarecerem suas dúvidas sobre o funcionamento do comércio durante o Mundial de Futebol em Natal e nos dias de jogos da Seleção Brasileira.

Para Raniere Barbosa, a Copa do Mundo será um marco para cidade. “Natal será vista para o mundo, pois são mais de 82 veículos de comunicação credenciados para cobrir o evento e precisamos aproveitar esta visibilidade. Entretanto, queremos também que o natalense e os turistas tenham neste momento o máximo de organização. Essa foi uma das razões para a realização deste encontro da Fifa com a classe produtiva. O seminário esclarecerá as muitas dúvidas do empresariado local sobre o que é permitido e o que garante a Lei Geral da Copa. A Prefeitura quer ser este mediador junto à classe produtiva e aos organizadores do Mundial de Futebol”, explicou o titular da Semsur.

O presidente da Fecomercio/RN, Marcelo Queiroz, e o vice-presidente da CDL Natal, Augusto Vaz, disseram que atenderão ao convite da Prefeitura no sentido não apenas de marcar presença do Seminário nesta quarta, mas também de apoiar o evento e de mobilizar seus pares para garantir uma participação representativa do setor comercial.

Compartilhar: