Preso é encontrado dentro de túnel durante tentativa de fuga em presídio de Alcaçuz

Detentos usaram serra especial de tungstênio para conseguirem quebrar cela

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Os agentes penitenciários e a guarda da Polícia Militar impediram uma fuga em massa no presídio Rogério Coutinho Madruga, também chamado de Pavilhão 5 de Alcaçuz. Na noite desta terça-feira (4), eles perceberam que os presos haviam serrado parte de uma cela e cavado um túnel embaixo de uma guarita.

Quando foram intervir, os agentes encontraram um preso dentro do túnel. De acordo com Osvaldo Rossato, diretor da unidade, a tentativa de fuga teve início na Ala C do presídio. Os detentos usaram uma serra especial, feita de tungstênio para conseguirem retirar um pedaço da grade e escapar da cela.

Em seguida, eles começaram a cavar um túnel bem embaixo da guarita. No entanto, os agentes e a guarda perceberam a tempo e correram para intervir. Quando chegaram ao local, um preso estava dentro do buraco, já quase se aproximando da área externa do presídio, que tem atualmente 397 presos.

Os demais detentos que pretendiam fugir recuaram ao ver a movimentação dos agentes. O diretor do Rogério Coutinho Madruga informou que essa serra usada para retirar um pedaço da grade da cela é especial, sendo encontrada apenas na Petrobras. O material usado para construção das celas do presídio só pode ser serrado com tungstênio.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

 

Fonte: Portal BO

Compartilhar:
    Publicidade