Produção brasileira de petróleo e gás cresce. mas a da Bacia Potiguar pode cair ainda mais

- A Petrobras informa que a produção total de petróleo e gás natural do Brasil, em fevereiro último, atingiu a…

- A Petrobras informa que a produção total de petróleo e gás natural do Brasil, em fevereiro último, atingiu a média de 2 milhões e 327 mil barris de óleo equivalente/dia (boed), o que significou uma crescimento de 0,7 por cento sobre o volume produzido em janeiro (que foi de 2 milhões 310 mil boed.

- Incluída a produção operada pela Petrobras para seus parceiros no Brasil, o volume de fevereiro subiu um pouco mais: chegou a 2 milhões e 476 mil boed, indicando nesse caso um aumento de 1,5 por cento.

- Já a produção exclusiva de petróleo da Petrobras no Brasil em fevereiro ficou na média de 1 milhão e 923 mil barris/dia (bopd), superando em apenas 0,3 por cento a produção de janeiro.

- Não houve divulgação dos números relativos à produção da Bacia Potiguar, que nos últimos anos vem caindo de forma contínua, em razão principalmente da quase paralisação do programa de perfuração de novos poços terrestres no Rio Grande do Norte.

- Segundo informações de bastidores, desde o final da década passada não são realizados novos investimentos em exploração na Bacia Potiguar. A produção só não cai ainda mais graças ao emprego da tecnologia de injeção de vapor (água em altíssima temperatura) nos poços antigos, possibilitada pela implantação, pela Petrobrás, da usina termelétrica Termoaçu, no município de Alto do Rodrigues.

- Mas essa operação está sob o risco de ser suspensa, em virtude da queda acentuada do nível das águas na Barragem Armando Ribeiro Gonçalves. Se não ocorrerem nos próximos 60 dias chuvas suficientes para elevar o nível da represa poderá ser suspenso o fornecimento d’água à Termoaçu, medida que implicaria na paralisação da injeção de vapor nos poços.

- Se isto acontecer, estima-se que a produção diária de petróleo da Bacia Potiguar (que anda abaixo de 60 mil barris) poderá despencar para menos de 30 mil.

Conselho Municipal de Turismo terá amanhã sua primeira reunião do ano

- O Comtur (Conselho Municipal de Turismo), sob a presidência do secretário de Turismo da Prefeitura de Natal Fernando Bezerril, realizará nesta quarta-feira, às 9:00 horas, a primeira reunião do ano, que servirá para a análise e discussão do tema “O Turismo como nossa principal atividade econômica”.

- O encontro acontecerá no auditório da Federação do Comércio do Rio Grande do Norte e dentro dele haverá palestra da pesquisadora Janailda Mourão, da Fundação Getúlio Vargas sobre os níveis de competitividade da atividade turística no ano de 2014.

- Em seguida, a consultora Mauricélia Silva, do Bim Consultors, apresentará ao Comtur a proposta da utilização do terreno da Via Costeira onde funcionou o empreendimento “Vale das Cascatas” para a construção de um Centro de Esportes Náuticos; e o coordenador do evento “Expotur Católica”, Manoel Sidnésio, fará uma apresentação sobre a importância dessa feira, prevista para acontecer este ano em Natal.

- Por último, será colocada em discussão a contratação, pela Prefeitura, de um estudo sobre o impacto que a Copa do Mundo de 2014 terá sobre o futuro do turismo em Natal.

Totvs e Newhotel oferecem solução completa para hotéis

- A empresa Totvs, uma das líderes no desenvolvimento de softwares de gestão no Brasil, acaba de fechar parceria com a Newhotel Software, empresa portuguesa especializada em tecnologia para os setores de hotelaria e turismo.

- Juntas, elas passam a oferecer aos dois segmentos, já a partir deste mês, um sistema de gestão completo, desde o “front Office” até o “BackOffice”.

- Os interessados no Rio Grande do Norte podem entrar em contato com o escritório da Totvs em Natal, segundo anuncia Maury Duarte Neto, diretor de atendimento e relacionamento da franquia no Estado.

- O foco no Brasil são hotéis de médio e grande porte. O sistema da Newhotel utiliza técnicas de otimização de processos, que simplificam a gestão de reservas, pagamentos e receitas, e podem ser aplicadas facilmente conforme as regras de negócio e as normas legais e fiscais do País.

Governo prorroga a renegociação de dívidas dos produtores rurais

- Com a aprovação pelo Conselho Monetário Nacional, no último dia 27, de novas regras para renegociação de dívidas agrícolas decorrentes de operações de crédito realizadas com recursos dos Fundos Constitucionais, contratadas até 31 de dezembro de 2008 e que se encontravam em situação de inadimplência no final de 2012, fica reaberto até 31 de dezembro de 2014 o prazo para que bancos e clientes cheguem a um acordo.

- Requerida pelo Ministério da Integração Nacional, a medida do CMN estabelece condições para que os produtores renegociem suas dívidas.

- A autorização é válida para créditos obtidos com recursos do FNE (Fundo Constitucional do Nordeste), bem como do FNO e FCO, que favorecem as regiões Norte e Centro-Oeste do país, inclusive atingindo operações direcionadas para investimentos em outras áreas.

- Pelas novas regras, o saldo devedor de cada operação será atualizado pelos encargos estabelecidos para situação de normalidade, sem a incidência de bônus de adimplência, rebate, multa, mora e demais encargos de inadimplemento. O valor atualizado da dívida poderá ser paga em dez anos com carência de até um ano.

- Para renegociar as dívidas, os produtores devem procurar o Banco em que contrataram o financiamento. O mutuário a ser beneficiado com a renegociação não poderá tomar novos financiamentos com recursos dos Fundos Constitucionais pelo período de dois anos.

Caio Fernandes lançará condomínio-clube no centro de Parnamirim

- A Imobiliária Caio Fernandes participará do XIII Salão Imobiliário do Rio Grande do Norte, que acontecerá de amanhã até domingo no Centro de Convenções de Natal, com o lançamento das vendas de um condomínio-clube vertical, a ser construído na região central da cidade de Parnamirim.

- Embora enquadrado no programa “Minha Casa, Minha Vida”, o empreendimento “Residencial Morar Bem” será o primeiro do gênero equipado com elevador, disponibilizando ampla estrutura de lazer, com campo de futebol, piscinas, churrasqueira, playground, salão de festa, etc..

- Com financiamento através da Caixa Econômica, o condomínio é uma iniciativa da Incorporadora Savim Brasil, em sociedade com a construtora Constel. As unidades poderão ser adquiridas por famílias com renda a partir de R$ 1,6 mil.

Compartilhar: