Produção de energia eólica mundial cresceu 12,5% em 2013 e crescerá ainda mais em 2014

- Pelo que foi divulgado semana passada (dia 5) pelo Conselho Global de Energia Eólica (Global Wind Energy Council –…

- Pelo que foi divulgado semana passada (dia 5) pelo Conselho Global de Energia Eólica (Global Wind Energy Council – GWEC), ao anunciar as estatísticas referentes ao mercado eólico em 2013 apresentando uma capacidade cumulativa global de 318.137 megawatt, houve um aumento de oferta de quase 200 mil MW nos últimos cinco anos. E, embora considerando que 2013 tenha sido “um ano difícil” para a indústria eólica, com “apenas” 12,5 por cento de expansão acumulada, as perspectivas para 2014 e anos seguintes “deverão ser muito mais positivas”.

- O relatório do GWEC mostra que “fora da Europa e dos EUA, o mercado global cresceu discretamente no ano passado, liderado pela China e com um ano excepcionalmente forte no Canadá. Enquanto o hiato político nos EUA impactou fortemente o ano de 2013, a boa notícia é que os projetos em construção nos EUA totalizaram mais de 12.000 MW no final do ano, um novo recorde. As instalações europeias ficaram atrás por somente 8 por cento, mas com uma concentração insalubre do mercado em apenas dois países: Alemanha e Reino Unido “, conforme declarações do secretário-geral do Conselho, Steve Sawyer.

- O GWEC destaca os números das grandes instalações de parques eólicos da China, observando que a fase de consolidação para essa indústria naquele país – que começou por volta de 2010 – parece ter se completado. Para a direção do Conselho, “a China é novamente um mercado em crescimento, o que significa uma excelente notícia para esse setor industrial”. O compromisso do governo chinês com a ampliação do uso da energia eólica foi reforçado, mais uma vez, elevando-se a meta oficial, para 2020, em mais 200 GW.

- E, enquanto a Índia tem uma nova “Missão Eólica”, o Brasil, somente em 2013, contratou mais 4.7 GW de novos projetos, acreditando-se que uma reforma que está em curso no setor elétrico brasileiro agitará o mercado nos próximos anos.

- Já os países do continente africano, apesar de alcançarem somente 90 MW em instalações durante 2013, deverão apresentar crescimento com novas instalações em 2014, sob a liderança da África do Sul, Egito, Marrocos, Etiópia, Quênia e Tanzânia.

- Os dirigentes do Conselho Global de Energia Eólica esperam que as instalações de novas usinas aerogeradoras de eletricidade em 2014 retornem, pelo menos, aos níveis de 2012 (que foi o ano de maior crescimento para o setor) e, provavelmente, os ultrapasse.

n Diante dessa conjuntura internacional favorável a esta fonte de energia renovável e não poluente, nossos votos são de que o Brasil – e, dentro dele, o Rio Grande do Norte – possa contribuir de forma ainda mais destacada para que os parques eólicos se multipliquem ainda mais.

 

Sinduscon/RN e Receita Federal promovem palestra sobre desoneração da folha

- O Sindicato da Indústria da Construção Civil do Rio Grande do Norte (Sinduscon/RN) e a Superintendência Regional da Receita Federal em Natal realizarão na manhã desta quarta-feira, a partir das 9:00 às 11:00 horas, no auditório do CTGás-ER, a palestra “Desoneração da Folha de Pagamento”, a ser proferida pelo auditor fiscal Antônio Augusto Lopes de Oliveira.

- A palestra, aberta aos dirigentes de empresas filiadas ao Sinduscon e aos seus executivos das áreas administrativa e financeira, terá o seguinte conteúdo: legislação e normas complementares, objetivo e histórico; atividades incentivadas e não incentivadas; base de cálculo e alíquotas; como calcular; obrigações acessórias; retenção; Simples Nacional; construção civil e obras.

- As vagas serão limitadas, sendo obrigatória a confirmação da presença através do e-mail contato@sindusconrn.com.br, até as 14:00 horas de amanhã.

 

Unifacex dá início a mais um processo seletivo para contratação de professores

- O Centro Universitário Facex (Unifacex) começou na manhã de hoje a inscrever profissionais de nível técnico e superior interessados em participar do processo seletivo para provimento do seu quadro efetivo (e formação de cadastro de reserva) de docentes para os cursos técnicos da instituição.

- As inscrições prosseguirão até sexta-feira (dia 14), na Central de Relacionamento da Unifacex, à Rua Orlando Silva, bairro de Capim Macio, das 9:00 às 21:00 horas.

- As vagas são para técnicos em Radiologia e graduados na área da Saúde (especificamente em Biologia, Farmácia, Enfermagem, Psicologia e Odontologia) e em Letras (Língua Inglesa).

- Os interessados devem levar, no ato da inscrição, cópia autenticada do diploma de conclusão do curso na área específica, devidamente registrado no órgão competente (sempre que couber); currículo lattes atualizado (acompanhado de cópias dos documentos comprobatórios); cópia do RG e CPF, além de comprovante de residência.

- O período previsto para a realização da avaliação dos candidatos será entre os dias 17 e 18 de fevereiro. A seleção constará de três fases: entrevista (de caráter eliminatório e classificatório); avaliação de conhecimento; e avaliação psicopedagógica. O prazo de validade do concurso será de um ano, prorrogável uma vez, por igual período.

- Maiores informações podem ser obtidas pelo e-mail apa@unifacex.com.br.

 

Banco do Brasil emprestou R$ 1,166 bi às MPEs do RN durante o exercício de 2013

- O Banco do Brasil possui no Rio Grande do Norte uma carteira de quase 43 mil clientes pessoa jurídica, dos quais cerca de 95 por cento se enquadram na categoria de micro e pequenos empresas, nos termos da Lei Geral das MPEs, ou seja, com faturamento anual abaixo de R$ 3,6 milhões.

- Segundo números da Superintendência Estadual do BB, ao final de 2013 o saldo das operações com o segmento das micro e pequenas empresas no RN alcançava a marca de 1 bilhão e 166 milhões de reais, o que representou, em relação ao exercício de 2012, um incremento de 16,8 por cento nos empréstimos para o setor.

- Esse resultado foi impulsionado principalmente pelo programa “Bom Pra Todos”, criado em plano nacional para posicionar o Banco do Brasil como “Banco da Micro e Pequena Empresa”, por oferecer linhas crédito às MPEs com as menores taxas do mercado.

 

Certa executa as obras de ampliação do abastecimento de água de Nova Parnamirim

- Prosseguem em ritmo acelerado as obras de ampliação do sistema de abastecimento d’água do bairro de Nova Parnamirim, um dos que mais crescem na região metropolitana de Natal.

- Vencedora da concorrência pública, a construtora Certa, dirigida pelo empresário José Walter de Carvalho, é quem executa o serviço (que inclui redes de distribuição e reservatórios), cuja conclusão está prevista para o mês de agosto.

Compartilhar: