Quatro mulheres são presas após assaltos em Extremoz e em Felipe Camarão

Os PMs fizeram busca rápida pela região e as vítimas rapidamente identificaram as suspeitas

Uma delas foi transferida para o Centro de Detenção Provisória (CDP) feminino, em Emaús. Foto: Ilustração
Uma delas foi transferida para o Centro de Detenção Provisória (CDP) feminino, em Emaús. Foto: Ilustração

Duas mulheres foram detidas na manhã de hoje após cometer um assalto no bairro Passagem da Vila, em Extremoz. A dupla que estava a pé tinha cometido um assalto poucos minutos antes, e foi identificada pela equipe de patrulhamento da Polícia Militar que estava próximo ao local. Na noite de ontem, outra dupla de mulheres foi presa em flagrante com porte de arma e droga, em Felipe Camarão, zona Oeste da capital.

Segundo informações da PM, um casal foi abordado próximo a linha férrea de Extremoz por duas jovens, identificadas como Isabela Cardoso Soares e Fracineide Tavares Pereira, ambas de 18 anos, que anunciaram o assalto portando uma faca. Elas conseguiram levar a bolsa da mulher e a carteira do homem. Após a ação elas fugiram do local. Uma viatura de patrulhamento que fazia a ronda no local no mesmo momento foi surpreendida pelo casal. Os PMs fizeram busca rápida pela região e as vítimas rapidamente identificaram as suspeitas.

Durante a abordagem foi encontrado com elas uma faca, além de todos os pertences roubados das vítimas. Segundo o Tenente Rodrigo Couceiro, há indícios de que uma das envolvidas no assalto reponde pelo crime de tráfico de drogas. Elas foram levadas para a delegacia de Polícia Civil de São Gonçalo do Amarante.

Em Felipe Camarão, por volta das 22 horas de ontem, duas mulheres que estavam em um veículo modelo Astra, em atitude suspeita, foram abordadas pelos policiais do Batalhão de Operações de Choque (BP Choque), no Conjunto Márcia Maia. Eles desconfiaram da dupla e resolveram fazer uma abordagem. As jovens estavam portando uma pistola calibre 38 e uma trouxa de cocaína.

As mulheres foram identificadas como Aline Sena Ester, de 21 anos, e Erica Naiane Nunes Delgado, de 19 anos. Elas foram conduzidas para a Delegacia de Plantão da Zona Sul, em Candelária. Segundo agentes da delegacia, Erica foi liberada ao pagar fiança de R$ 750. Aline não foi liberada porque tentou subornar um policial antes de pagar a fiança. Ela permaneceu na delegacia até o início da manhã de hoje, e foi transferida para o Centro de Detenção Provisória (CDP) feminino, em Emaús.

Compartilhar: