Remédio para ansiedade e insônia elevam risco de morte, diz pesquisa

Um novo estudo inglês publicado no periódico BMJ afirmou que medicamentos para ansiedade e insônia elevam o risco de morte

67I67I6I56E4Y4WY542

A pesquisa foi realizada com 34.727 pessoas que tomavam ansiolíticos como Valium e Xanax ou remédios contra insônia como Ambien, Sonata e Lunesta, além de 69.418 pessoas que não tomavam nenhum dos dois tipos de medicamento.

Foram levados em conta fatores como o uso de outros medicamentos, idade, tabagismo, nível socioeconômico, consumo de álcool, além de distúrbios de sono e ansiedade e outras doenças psiquiátricas. No geral, observou-se que o risco de morte quase dobrou em pessoas que tomavam os medicamentos em questão.

Apesar disso, os pesquisadores levaram o resultado com cautela. Segundo Scott Weich, principal autor do estudo da Universidade de Warwick, a pesquisa não é definitiva, nem tachativa, mas “contribui com o acúmulo de evidências de que esses medicamentos não são seguros”.

 

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade