Reservas da Itália fazem 5 no Fluminense em amistoso pré-Copa do Mundo

Após um empate no primeiro tempo, os italianos deslancharam na etapa final e garantiram o placar elástico

Immobile comemora um dos gols marcados pela Itália. Foto: Divulgação
Immobile comemora um dos gols marcados pela Itália. Foto: Divulgação

O Fluminense não foi capaz de segurar os reservas da seleção italiana na tarde deste domingo. Jogando no estádio Raulino de Oliveira, em Volta Redonda, a Itália venceu por 5 a 3 seu último amistoso antes do início da Copa do Mundo. Após um empate no primeiro tempo, os italianos deslancharam na etapa final e garantiram o placar elástico.

Antes da partida, dois fatos chamaram atenção no estádio. Primeiro, o meia Cícero entrou no gramado com a camisa 5 e foi apresentado aos torcedores. O jogador, porém, não participou da partida. Antes da bola rolar, foi respeitado um minuto de silêncio por conta da morte do ex-jogador Fernandão. Mesmo sem ter jogado no Rio de Janeiro, a torcida gritou o nome do atleta enquanto sua foto aparecia no telão.

A etapa inicial foi bem movimentada, com as equipes marcando forte no meio-campo e arriscando jogadas pelas laterais do campo. A Itália abriu o placar aos 22min, com Insigne. Depois de vacilada da defesa do Fluminense, Immobile recebeu livre dentro da área e tocou rasteiro para o atacante marcar. Não demorou muito e o time carioca empatou. Aos 25min, Gustavo Scarpa cruzou para Chiquinho mandar para dentro da rede. Aos 30, Immobile acertou bela cabeçada e colocou a seleção italiana em vantagem. Porém, aos 36min, Carlinhos, com falha do goleiro Perin, empatou novamente e deu números finais ao primeiro tempo.

Na volta do intervalo, o Fluminense chegou com Walter aos 2min, arriscando de fora da área, e dava indícios de que poderia virar a partida. Mas não passou disso.

Em três minutos a Itália fez três gols e liquidou a partida. Aos 8min, o goleiro Felipe saiu errado e a bola sobrou para Cerci, que tocou para Immobile fazer o terceiro. E foi do próprio atacante o quarto gol italiano. Aos 10min, depois de passe de Thiago Motta, o jogador ficou cara a cara com o goleiro e marcou. O quinto saiu dos pés de Insigne, apenas um minuto depois. Chiquinho falhou na saída de bola, Immobile recebeu passe na área e tocou para o lado. Insigne apareceu sem marcação e ampliou o placar.

Já com a goleada instaurada, o técnico Cesare Prandelli mudou o time inteiro e colocou seus principais jogadores em campo. Aos 17min entraram: De Sciglio, Barzagli, Bonucci, Pirlo, Marchisio, De Rossi, Cassano e Balotelli.

O Fluminense ainda descontou aos 17min, com Matheus Carvalho. O atacante bateu forte de fora da área e acertou o canto do goleiro italiano. Apesar dos principais jogadores italianos em campo, a equipe carioca ainda conseguiu impor seu ritmo no jogo, criou chances de gol, mas não conseguiu diminuir o placar.

A Itália integra o Grupo D da Copa, junto com Inglaterra,Uruguai e Costa Rica, e estreia diante dos ingleses, no dia 14 de junho, às 16h (de Brasília), em Fortaleza.

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade