Ricardo Chaves não canta por não receber cachê e revolta público

Segundo levantamento dos fornecedores, foram cerca de quase 7 mil reais de bebidas saqueadas

Cantor não recebeu o cachê antecipadamente e decidiu não fazer o show. Foto:Divulgação
Cantor não recebeu o cachê antecipadamente e decidiu não fazer o show. Foto:Divulgação

O que era para ser uma festa de réveillon antecipado, terminou em confusão generalizada  O show que teria a presença do cantor Ricardo Chaves no Clube Arsenal de Caiçara do Norte na noite deste domingo, não aconteceu após um cidadão subir ao palco e informar para o público que o cantor Ricardo Chaves não se apresentaria devido a falta de pagamento.

A informação foi o estopim para os fãs do cantor que pagaram no primeiro lote R$ 25,00, no segundo R$ 30,00 e na hora R$ 40,00 para assistir o show. Todos se revoltaram e protestaram, quebrando as portas do clube, saqueando as bebidas, caixas de isopor e outras coisas que encontravam pela frente.

Segundo levantamento dos fornecedores, cerca de 7 mil reais em bebidas foram saqueados, além da tentativa de agressão aos funcionários do cantor, que não tiveram culpa no caso. “Aconteceu de tudo, acordaram a vizinhança inteira, só não apareceram os policiais para conter a revolta do povão, e olha que o Clube do Arsenal fica a 50m da delegacia municipal”, conta o leitor Diego Souza.
Em e-mail a redação do blogdoassis, Diego pergunta aos órgãos públicos: “Quem deu a ordem para essa festa acontecer? Quem liberou o alvará? Quem fez a inspeção de segurança? Quem foi que requereu o deslocamento de policias de outros batalhões? Como é que pode ter um show com um cantor renomado e não existir nenhum efetivo policial? Poderia rolar de tudo nessa festa, até morte, mas ninguém apareceu para conter a revolta e prender os responsáveis por isso”.

Promotor da Festa com Ricardo Chaves esclarece sobre a não apresentação do cantor

Em nota o Promotor do evento esclarece o que de fato ocorreu com relação a não apresentação do cantor como estava previsto:
Vimos informar a população, público presente e leitores do blog que a Produção do evento atendeu a todas as solicitações feitas pela empresário do cantor, onde foram pagas as despesas como exemplo a diária de alimentação do artista no valor R$ 1.400,00, Pousada R$ 1.300,00; sonorização e gerador R$ 3.400,00; segurança R$ 500,00; Banda Me Leva e Mário dos Teclados R$ 1.200,00 e despesas extras como camarim do artista, iluminação para o artistas, foram atendidas afim de que fosse possível a realização do evento.
Devido a pequena quantidade de ingressos vendidos, procuramos a Produção do artista Ricardo Chaves para que fosse feito um acordo para a apresentação do mesmo sendo negado esta possibilidade, ficando assim, fãs e público presente prejudicado pela não apresentação do artistas.
Nós que realizamos o evento tentamos de todas as formas viabilizar a apresentação do artista Ricardo Chaves pois lá havia fãs que se deslocaram de suas cidades e residências para participar do show. Reconhecemos que não houve público suficiente para o pagamento do show do artista, mais acreditamos que era possível sim a apresentação do artista devido a presença de fás que lá se encontravam e motivo este faz com que um artista possa chegar ao sucesso, pois o único motivo pelo qual existe o sucesso de um artista é pela existência de seus fãs, fato este que acreditamos ser ao lado de todas estas informações repassada e a quantia em dinheiro que foi oferecida ao empresário do artista e que não foi aceita.
Estamos buscando uma forma de resolver esta situação, mas volto a dizer que não foi aceita a proposta oferecida ao artista para receber todo o apurado do evento e administrar o Bar e a bilheteria do evento já que não havia outra possibilidade de pagamento. Encerro dizendo que um grande artista se apresenta para um, para uns e para muitos respeitando assim os fás e seguidores.
Meu muito obrigado pelo esclarecimento, Arlan Souza.

 

Fonte:Blog Eurípedes Dias/Blogdeassis

Compartilhar: