Robério Paulino processará instituto que incluir seu nome em pesquisa

Candidato representou junto ao Ministério Público Eleitoral, solicitando providências e maior fiscalização quanto às pesquisas

Roberio-Paulino-WR--(14)-

O candidato do PSOL a governador, Robério Paulino, afirmou que se as próximas pesquisas eleitorais mantiverem o seu nome, ele processará os institutos de pesquisas. A afirmação se deu durante entrevista hoje cedo ao Jornal da Cidade, da FM 94. De acordo com o candidato, os institutos de pesquisas manipulam de acordo com o interesse do contratante.

Robério representou junto ao Ministério Público Eleitoral, solicitando providências e maior fiscalização quanto às pesquisas. Ele disse hoje que, até o momento, não houve um posicionamento oficial da parte dos procuradores eleitorais. O candidato, que foi ameaçado de ser processado pela associação dos institutos de pesquisa, disse ainda que jornalistas do Estado revelam as ligações dos institutos com determinados candidatos.

Sobre a relação dos empresários e financiamentos de campanha, Robério afirmou que é danosa ao Estado. Ele disse que há sonegação de mais de R$ 1 bilhão somente em ISS no Rio Grande do Norte e que, caso eleito, irá endurecer contra as grandes empresas, para que efetivamente paguem os tributos devidos ao Estado. “Essa relação está muito clara, empresa não financia campanhas, elas investem e depois cobram pelo investimento”.

Ainda segundo Paulino, “somente no ICMS existe uma sonegação de no mínimo 30%. Quem paga imposto de verdade não é o empresário é o povo. O dinheiro da sonegação de impostos é o dinheiro que falta em uma merenda digna nas escolas”.

Para o candidato, o RN tem potencial para fomentar o nascimento de empresas, não necessariamente tendo que importar empresas de fora. “Quem disse que devemos viver de atrair empresas para o Estado? Por que não podemos criar as nossas próprias empresas? Nosso empresariado é tacanho, sem visão. O caminho da industrialização pode ser outro”.

Entre as primeiras ações de eventual governo, Paulino disse que irá fazer um grande mutirão. “Eu acho que devemos fazer primeiro um grande mutirão para recuperar de imediato os hospitais regionais, temos que chamar um mutirão para a segurança, investir pesadamente na educação, na escola, criação de emprego”, finalizou.

Compartilhar:
    Publicidade