Roberto Carlos deve processar Tiririca por uso da imagem do cantor

Deputado parodia cantor em propaganda eleitoral. "É fácil se reeleger dizendo que tem apoio do Rei", critica advogado

'Que bifões, bicho', diz Tiririca, em referência a comerciais da Friboi estrelados por Roberto Carlos. Foto: Divulgação
‘Que bifões, bicho’, diz Tiririca, em referência a comerciais da Friboi estrelados por Roberto Carlos. Foto: Divulgação

Roberto Carlos deve processar o deputado Tiririca (PR/SP), que parodiou a imagem e uma das músicas do cantor para tentar se reeleger. O Partido da República também deverá ser acionado, segundo o advogado José Diamantino Alvarez Abelenda, que representa a editora da canção “O Portão”, usada pelo candidato.

A ideia é que a editora e o cantor apresentem conjuntamente um processo contra o deputado e o partido, avalia o advogado.

“Há fatos mais graves do que a utilização da música”, disse Abelenda. “É muito fácil se reeleger dizendo que tem o apoio do Rei.”

No vídeo, Tiririca aparece vestido de branco e usa a gíria “bixo” – traços característicos de Roberto Carlos. O candidato também aparece segurando um bife, numa clara referência à participação do cantor em propagandas da marca de carnes Friboi.

A letra da música foi alterada para “Eu votei. De novo eu vou votar. Tiririca, Brasília é o seu lugar.”

O vídeo foi ao ar pela primeira vez na última terça-feira (19), quando teve início o horário eleitoral gratuito. Segundo Abelenda, Tiririca e o PR foram notificados para retirar o material do ar. Nesta quinta-feira (21), entretanto, houve nova exibição da paródia.

“Eu esperava que depois na notificação, alguém do partido ou da candidatura entraria em contato comigo”, admite o advogado. “Não é essa via [judicial] que eu pretendia adotar.”

Segundo o advogado, a ação deverá ser apresentada à Justiça na semana que vem.

A reportagem procurou a Direção Nacional do PR, mas não recebeu resposta até a publicação da reportagem. No diretório de São Paulo, uma atendente informou que ninguém poderia responder naquele momento, por volta das 18h. Os telefonemas para o gabinete de Tiririca no Congresso não foram atendidos.

Mais votado em 2010, aposta em 2014

Com 1,35  milhão de votos, Tiririca elegeu-se e garantiu mais três vagas na Câmara dos Deputados para sua coligação na eleição de 2010. Além disso, a votação expressiva ainda rendeu um acréscimo de cerca de R$ 3,9 milhões (em valores atualizados) por ano ao PR em verbas do fundo partidário – mais do que foi gasto na sua campanha.

O partido tenta repetir a estratégia neste ano, dando destaque à candidatura do humorista. O vídeo de Tiririca tem cerca de 1 minuto, e não apenas alguns segundos com os demais candidatos a deputado federal.

Fonte: IG

Compartilhar:
    Publicidade