Saiba como é possível deixar os dentes brancos em apenas 1 hora

Com a evolução dos tratamentos estéticos de clareamento dental deixar o sorriso mais claro em alguns minutos é perfeitamente possível

Quando a pessoa já tem um tom mais suave nos dentes, com apenas uma sessão que dura entre 40 minutos e 1h20, ela pode sair do consultório com os dentes brancos e satisfeita. Foto: Divulgação
Quando a pessoa já tem um tom mais suave nos dentes, com apenas uma sessão que dura entre 40 minutos e 1h20, ela pode sair do consultório com os dentes brancos e satisfeita. Foto: Divulgação

Segundo Alexandre Bussab, cirurgião-dentista especialista em clareamento dental, essa mágica pode acontecer em uma única sessão. “Quando a pessoa já tem um tom mais suave nos dentes, com apenas uma sessão que dura entre 40 minutos e 1h20, ela pode sair do consultório com os dentes brancos e satisfeita”.

Mas o dentista alerta que a quantidade de sessões vai depender muito do grau de clareamento que a pessoa deseja e de como está o esmalte do dente dela. “Existem casos em que o dente está muito escuro devido a fatores genéticos ou medicamentosos e, por isso, o tratamento vai ser mais longo”, diz.

Clareamento no consultório 

Para resultados mais rápidos e seguros, o clareamento feito no consultório ainda é a melhor opção. “No consultório, o profissional está apto a usar um laser a base de peróxido de hidrogênio em uma concentração maior do que nos produtos usados para fazer o clareamento em casa. Esse laser abre os poros do esmalte do dente, fazendo com que o branqueamento aconteça mais rápido”, diz o especialista.

Alexandre ainda destaca a segurança e a assistência de um tratamento feito por um especialista. “Nem todo mundo está apto ao clareamento. Por isso, no consultório fazemos uma avaliação bucal no paciente. Verificamos a grau de sensibilidade dos dentes e se há problemas periodontais que atrapalhariam o procedimento”.

Duração

Se bem cuidado, um tratamento de clareamento pode durar anos. “Tenho pacientes que fizeram o procedimento comigo há cinco anos e ainda estão com os dentes brancos. Já outros fizeram há apenas dois e já retornaram”, diz Alexandre. Péssimos hábitos como uma higiene bucal falha, consumo excessivo de alimentos de pigmentação forte como café, vinho e condimentos e fumar diminuem a duração do clareamento.

Problemas do excesso

Recorrer a esse tipo de tratamento com frequência sem supervisão médica também pode virar um problema. Segundo o especialista, o contato do dente com os produtos químicos que o clareiam podem causam hipersensibilidade dental e, em casos mais extremos, manchas nos dentes. “Quando a pessoa “passa do ponto” com o clareamento, os dentes podem ficar com a cor acinzentada. E em alguns casos isso pode ser irreversível. Por isso insisto tanto na importância da supervisão de um especialista durante todo o procedimento”, diz Alexandre.

Fonte: Terra

Compartilhar:
    Publicidade