Schumacher será submetido a novos exames e testes no cérebro

Médicos vão analisar se o seu estado de funcionamento é normal e o que ficou danificado

Michael Schumacher na neve. Foto:Divulgação
Michael Schumacher na neve. Foto:Divulgação

Internado há duas semanas devido ao acidente que sofreu enquanto esquiava na pista de Meribél, na França, Michael Schumacher segue em coma induzido com uma situação crítica, porém estável.

Sem apresentar melhoras nos últimos dias, o alemão passará por novos exames e testes para que seja feita uma análise mais detalhada de sua situação atual, apontou o jornal alemão Bild.

A publicação afirma que os médicos querem verificar quais são os pontos críticos do cérebro de Schumi para poderem analisar quais deles permanecem em seu estado de funcionamento normal e quais estão danificados. No entanto, a data dos exames não foi divulgada.

Por não haver mudanças na recuperação do ex-piloto, os médicos suspenderam os boletins médicos à imprensa. O último deles foi no dia 6 de janeiro, quando a equipe que trata o heptacampeão mundial confirmou que ele ainda continuava em estado crítico.

Fonte:IG

 

Compartilhar:
    Publicidade