Se ainda não colocou bandeirinha do Brasil no seu carro, é melhor ler isso

Bandeirinhas: carro precisa de mais potência e tem mais trabalho para quebrar a resistência do ar

size_590_bandeirinhas-em-carro

Desde que a Copa começou é possível ver muitas bandeirinhas penduradas nos carros. Parece algo pequeno, mas você sabe qual o impacto dessas bandeirinhas para o meio ambiente?

As informações são do portal TreeHugger. Durante a Copa do Mundo de 2006, o Dr. Antonio Filippone, da Universidade de Manchester, calculou que as bandeirinhas provocaram a queima de um extra de 1,22 milhão de litros de combustível.

Também gerou três milhões de quilos extras de emissões de carbono, somente na Inglaterra.

Isso acontece porque um carro com bandeirinha precisa de mais potência e tem mais trabalho para quebrar a resistência do ar. Com isso, o veículo consome mais combustível.

Segundo Dr. Filippone, o efeito causado pelas bandeirinhas faz com que o carro gaste 3% a mais de combustível em uma hora.

Pode parecer pouco individualmente, mas meio milhão de carros fazendo a mesma coisa faz muita diferença para o meio ambiente.

O engenheiro canadense Dr. Peter Ostafichuk também afirmou ao jornal The Province, de Vancouver (Canadá), que o carro não precisa estar em alta velocidade para prejudicar a aerodinâmica do carro.

Se a velocidade for inferior a 40 km/h, as bandeiras já vão exigir mais do veículo.

 

 

Fonte: Exame

Compartilhar: