Semana da Dança foca na formação e requalificação de alunos bailarinos

Agora à tarde, a partir de 14 horas, no pátio da Funcarte, a programação da Semana de Dança prossegue apresentando aulas-espetáculo

IMG_0686

Desafiar a lei da gravidade artisticamente é o ofício de todo bailarino. Para alcançar um bom nível técnico e artístico o aspirante a bailarino profissional precisa ter uma boa formação. É com esse foco que o Núcleo de Dança da Fundação Cultural Capitania das Artes (funcarte) está promovendo a Semana da Dança, no período de 24 a 30 de abril, no pátio da Funcarte e em outros locais da cidade.

A vasta programação teve início na manhã desta quinta-feira (24), às 8 horas, com a abertura da exposição “O corpo na arte africana”. Em seguida, houve duas aulas-espetáculo com as turmas Baby Class (Cynthia Gregory), apresentação do solo “A fada”, por Leylane Luz, e um trecho coreográfico do espetáculo “Paquita”.

Na concepção do chefe do Núcleo de Dança da Funcarte, bailarino e coreógrafo Dimas Carlos, a instituição está investindo desde o ano passado na revelação, formação e (re)qualificação, visitando grupos de dança nas comunidades e descobrindo talentos. Além disso, existe o firme propósito de selecionar alunos bailarinos para serem agentes multiplicadores na sua comunidade. “Uma banca vai escolher alunos bailarinos para atuar na própria comunidade. Há muitos talentos nos grupos, mas falta a formação e o conhecimento”, aponta.

A gestão de Dimas Carlos dinamizou e otimizou o Núcleo de Dança da Funcarte revitalizando o balé clássico, o popular e o contemporâneo. A boa notícia na Semana da Dança é que nove bailarinos passaram no concurso público para professor de balé clássico. Há também um edital a ser lançado para contratação de seis bailarinos para reforçarem o Balé da Cidade do Natal (contemporâneo). “Isto é inédito no Brasil”, comemora o coreógrafo.

Com o trabalho de formação e (re)qualificação, o Núcleo quer num futuro próximo investir na circulação de grupos. “A Semana da Dança está também envolvendo profissionais com larga experiência na dança, que vão ministrar oficinas no pátio da Funcarte. Também haverá ações externas no Praia Shopping e nas praias do Meio e do Forte”, ressaltou. Ele destacou, ainda, o apoio irrestrito das Secretarias Municipais de Serviços Urbanos (Semsur) e Mobilidade Urbana (Semob), e da Companhia de Serviços Urbanos de Natal (Urbana).

Agora à tarde, a partir de 14 horas, no pátio da Funcarte, a programação da Semana de Dança prossegue apresentando aulas-espetáculo e uma intervenção do grupo de dança do Colégio Marista. No período noturno, haverá apresentação do Ballet Municipal de Natal (19h), Arte de Rua Crew (19h15), TBK (19h30), Visage (19h45) e o Balé da Cidade do Natal (20h).

 

Compartilhar:
    Publicidade