Servidores do Sindsaúde fazem ato nesta segunda no Hospital Ruy Pereira‏

O ato também vai denunciar a falta de médicos no hospital, o que impede que a escala seja completa, e a ausência de autoclave, aparelho utilizado para esterilização

Servidores cobram melhorias nas condições de trabalho após parte do hospital ter desabado. Foto:Divulgação
Servidores cobram melhorias nas condições de trabalho após parte do hospital ter desabado. Foto:Divulgação

Nesta segunda (24), a partir das 09h, os servidores da saúde do estado promovem um ato público em frente ao Hospital Dr. Ruy Pereira dos Santos, em Petrópolis. Há uma semana, parte do teto do hospital desabou, atingindo uma paciente e uma servidora. O objetivo é cobrar investimentos no hospital e a garantia das condições de trabalho e do atendimento à população.

Além dos problemas na estrutura do prédio, inaugurado em 2010, o hospital convive com lixo acumulado, que provoca mau cheiro e incomoda pacientes e servidores. O lixo também atrai insetos e até roedores.
O ato também vai denunciar a falta de médicos no hospital, o que impede que a escala seja completa, e a ausência de autoclave, aparelho utilizado para esterilização. Atualmente, todo o material usado no hospital é esterilizado no Walfredo Gurgel.
O ato faz parte do calendário de atividades da greve dos servidores da saúde do estado, iniciada em 19 de março.
Compartilhar:
    Publicidade