Site classifica “We love who we Love” como a música gay do ano

A música é forte e sua voz poderosa a faz uma das canções gays mais lindas feitas até hoje

6u56u5iu4u34

A cantora pop Cindy Gomez é filha de mãe colombiana e pai belga, nascida e criada no Canadá, atualmente vivendo em Berlim. Uma verdadeira cidadã do mundo. Ela já tem um vasto currículo de sucesso e acaba de lançar uma música tocante, em homenagem ao jovem Ryan Robertson, aos 18 anos de idade por overdose, em 2009, nos EUA. Escritora e produtora musical experiente, a morena botou na letra de “We love who we Love” o drama do rapaz que não se aceitava por causa da religiosidade de sua família. A música é forte e sua voz poderosa a faz uma das canções gays mais lindas feitas até hoje.

“We love who we Love” é de fazer chorar e trazer inspiração. Com a mensagem positiva: “O sangue é mais grosso que a água, o amor é mais grosso do que o sangue. Somos quem somos. Nós amamos quem amamos”, a cantora quer espalhar sua mensagem de que a cobrança por uma heterossexualidade quase santa imposta aos gays lhes custa muitas vezes a felicidade e até a vida. “Ele tirou os espelhos das paredes. Para ele não poder se ver. Suas lágrimas desceram como cachoeiras. Mas homens de verdade não pedem por socorro. Então ele sorriu para todo o mundo poder ver, conforme a realidade deles”, narra a música sobre o rapaz que se impôs uma vida no armário até que não aguentou mais.

Foi a própria cantora que entrou em contato com a Lado A, há duas semanas, durante o lançamento da música no iTunes. Cindy é super simpática e querida. Na ocasião ficamos sabendo da história de Ryan e fizemos uma matéria que foi muito popular em nosso site e que foi parar até em nossa edição impressa. Aguardamos então o lançamento da música com sua letra no YouTube e estamos divulgando agora com exclusividade “We love who we love” para os nossos leitores.

Cindy foi a primeira cantora a lançar uma música em um jogo de celular, “Dance Fabulous” no game N-Gage da Nokia, em 2009, que teve mais de 40 milhões de usuários. Versátil, ou “um híbrido” como ela se define, ela canta em inglês, francês, espanhol, italiano, latim, hindu, cantonês ou mandarim! Além de inteligentíssima, a linda já foi a Miss Canada Latina. Sempre antenada, positiva e participativa, ela faz questão de cantar em eventos contra a Aids pelo mundo. Antes de estrear como cantora, Cindy colaborava com autores de letras e produtores e participou da criação de álbuns de Dave Stewart, Desmond Child (Ricky Martin’s “Living La Vida Loca”, Bon Jovi’s “Living on a Prayer”, Katy Perry’s “Waking up in Vegas”..etc), Andreas Carlsson (NSync “Bye Bye Bye” & “It’s Gonna be me”, Katy Perry’s “Waking up in Vegas”, Celine Dion “One Heart”, “I’m Alive” “That’s the way it is”..etc), A.R. Rahman (Oscar Winner for music in Slum Dog Millionaire), Glen Ballard (Alanis Morisette entire album Jagged Little Pill, Micheal Jackson’s “Man in the Mirror”…etc).

ESCUTE A MÚSICA

 

Fonte: Site Revista Lado A

Compartilhar:
    Publicidade