Sonnen acusa Wanderlei Silva de estar bêbado nas gravações do TUF 3

Próximo episódio promete ser o mais quente da temporada

Lutadores se odeiam e estão sendo trocando farpas. Foto:Divulgação
Lutadores se odeiam e estão sendo trocando farpas. Foto:Divulgação

Para a maioria dos fãs que acompanham o TUF Brasil 3, pouco importa quais serão os vencedores das categorias médio e pesado que ganharão os sonhados contratos com o Ultimate Fighting Championship. A rivalidade entre os treinadores Chael Sonnen e Wanderlei Silva é o maior atrativo do reality show que é transmitido pela Globo aos domingos.

Wanderlei inclusive tem atrapalhado o papel que cabe a Chael. O brasileiro insiste em ser agressivo tanto em palavras, como em ações, tendo xingado e empurrado o americano, que por sua vez continua sendo provocador e só não foi mais polêmico por falta de espaço limitado pelo “Cachorro Louco”.

Pelo que pode ser visto no teaser apresentado ao final do episódio anterior, o programa exibirá a comentada briga entre os rivais no próximo capítulo e a demissão de André Dida – um dos técnicos auxiliares de Silva que teria agredido Sonnen quando este estava levando a melhor na confusão.

O vídeo foi o clipe exibido ao final do terceiro episódio do TUF Brasil 3, que foi ao ar na TV Globo na madrugada da última segunda-feira. Em primeiro momento, não dei muita bola para as falas de Chael Sonnen, mas agora até mesmo o UFC chamou a atenção para a acusação feita.

No vídeo divulgado pelo UFC, Chael Sonnen sugere que o curitibano estava embriagado durante a filmagem  “Eu não sou um grande fã do Wanderlei. Ele cheira a álcool, posso ver que ele está bêbado”, declarou o líder da equipe verde, que tem sido fiel ao estilo com que se promoveu na organização.

Fonte:Terra

Compartilhar:
    Publicidade