Sony apresenta a SmartBand: sua incrível pulseira inteligente

Dispositivo permitirá aos usuários manter registro e todas as suas atividades diárias - e até mesmo do clima

De acordo com a Sony, o novo dispositivo funciona em conjunto com o aplicativo Lifelog, para smartphones com sistema operacional Android. Foto: Divulgação
De acordo com a Sony, o novo dispositivo funciona em conjunto com o aplicativo Lifelog, para smartphones com sistema operacional Android. Foto: Divulgação

A Sony revelou na noite desta segunda-feira, em Las Vegas, nos Estados Unidos, sua pulseira SmartBand, que permitirá aos usuários manter um registro de todas as suas atividades diárias. O equipamento abriga um pequeno sensor removível, chamado Core (núcleo, em inglês). Caso o usuário não goste da pulseira, é possível prender apenas o sensor à roupa. O equipamento é à prova d’água e pode ser usado até mesmo durante o banho.

O novo dispositivo funciona de maneira similar a outras pulseiras atualmente no mercado, como a Nike FuelBand. No entanto, em vez de criá-lo para registrar apenas informações sobre o desempenho do usuário em atividades físicas, a Sony tem a pretensão de registrar todas as atividades dele durante o dia. Isso inclui o padrão de sono, os encontros com amigos, fotos que o usuário tirou e até o clima.

De acordo com a Sony, o novo dispositivo funciona em conjunto com o aplicativo Lifelog, para smartphones com sistema operacional Android. A conexão com o aparelho acontece por meio de Bluetooth. Caso a conexão seja perdida, o Core continua a registrar as informações em uma memória interna, até que ela seja reestabelecida e os dados possam ser transferidos para o smartphone.

O sensor inteligente pode ganhar outros acessórios no futuro, além da SmartBand, e a Sony pretende firmar parcerias com outras empresas para levá-los ao mercado. O produto deve chegar às lojas dos Estados Unidos até a metade de 2014. A Sony não informou quando o dispositivo chegará a outros países, como o Brasil. Ainda não há informações sobre preço.

A SmartBand é a segunda tentativa da Sony de emplacar um dispositivo inteligente que o usuário pode “vestir”, uma das principais tendências de mobilidade apontadas na Consumer Electronics Show (CES), feira de eletrônicos realizada entre 7 e 10 de janeiro, em Las Vegas. A empresa já comercializa o SmartWatch 2, um relógio inteligente que permite receber notificações sobre e-mails, mensagens de texto e notificações em redes sociais, como o Facebook e Twitter.

Versão menor do Z1 – Em seu primeiro evento na CES, a Sony também apresentou dois novos smartphones, sendo um deles uma versão menor do Xperia Z1, já à venda no Brasil. O produto ganhou tela menor – 4,3 polegadas contra 5 polegadas do irmão mais velho – e cores vibrantes, como verde-limão e rosa. O Xperia Z1 Compact é à prova d’água e ficou um milímetro mais fino que a versão maior.

Na parte interna, o smartphone conta com processador Snapdragon 800 e é compatível com redes de telefonia celular de quarta geração (4G). A câmera, sempre uma preocupação da Sony em seus smartphones, tira fotos com resolução de 20 megapixels. O produto deve chegar ao mercado com preço mais baixo que o Xperia Z1 – uma boa notícia para os brasileiros, já que por aqui o aparelho chegou com preço acima de 2.000 reais.

A empresa também lançou uma versão mais avançada do aparelho, o Xperia Z1S que, por enquanto, será vendido apenas nos EUA. O produto agora resiste a um “mergulho” de até 1,5 metro por 30 minutos e ganhou um botão dedicado para acionar a câmera, recurso necessário para fotografar embaixo d’água.

A SmartBand é a segunda tentativa da Sony de emplacar um dispositivo inteligente que o usuário pode "vestir". Foto: Divulgação
A SmartBand é a segunda tentativa da Sony de emplacar um dispositivo inteligente que o usuário pode “vestir”. Foto: Divulgação

TVs Ultra HD – As TVs também foram destaque no evento da Sony. A empresa anunciou dezoito novos modelos, com telas de tamanho entre 40 e 85 polegadas. Entre os produtos, nove permitem exibir imagens com resolução Ultra HD ou 4K. Ao contrário dos últimos anos, a Sony não apresentou nenhum modelo de TV com tela de OLED (diodo emissor de luz orgânico, na sigla em inglês). Todos os produtos apresentados oferecem tela de LED.

Durante o evento, executivos da empresa prometeram lançar TVs com resolução Ultra HD a preços mais baixos, para estimular outras fabricantes a fazer o mesmo. No entanto, a empresa não divulgou o preço dos novos produtos. O preço alto, associado à falta de conteúdo filmado com resolução Ultra HD, dificultam a popularização da nova tecnologia entre os consumidores.

Na parte de conteúdo, a Sony anunciou que sua nova geração de TVs com resolução Ultra HD virá com alguns títulos de filmes compatíveis na memória. Além disso, durante o evento, Reed Hastings, CEO da Netflix, subiu ao palco para anunciar que produzirá todas as séries originais da Netflix em Ultra HD a partir deste ano. O conteúdo será transmitido pela internet para TVs conectadas, não só da marca Sony, que permitem o uso do serviço de vídeo sob demanda.

 

Fonte: Veja

 

Compartilhar:
    Publicidade