“Sou conhecido no mundo, fiz parte da Broadway”, diz detido por tráfico de drogas

Grupo foi detido em aldeia hippie e encaminhado para delegacia

Uma operação conjunta da Polícia Civil e Militar resultou na prisão em flagrante de 18 pessoas suspeitas de tráficos de drogas em uma aldeia hippie na praia de Arembepe, localizada no município de Camaçari, na RMS (Região Metropolitana de Salvador). Entre os detidos está um homem que disse que é morador da aldeia e músico. O homem revelou que morou durante 15 anos em Nova York, nos Estados Unidos, e fez parte do musical da Broadway Rei Leão. Leia mais notícias no R7 BA — Sou conhecido mundialmente, fiz parte do musical da Broadway, tenho duas filhas americanas, fiz parte Balé Folclórico da Bahia, eu só moro na aldeia. Trabalho lá, faço música, levo a felicidade e a harmonia para todo mundo. O músico disse que estava andando na aldeia, e foi na casa de um dos hippies mais velhos da aldeia e foi levado para delegacia. — Nunca comprei nem nunca trafiquei. De acordo com informações da 26ª DT (Delegacia Territorial), de Vila de Abrantes, foram apreendidas diversas drogas com o grupo como pasta base, maconha, crack e mais de 4 mil pinos de cocaína. Ainda segundo a polícia, um dos presos é foragido da polícia. Foto: Divulgação
Homem revelou que morou nos EUA por 15 anos. Foto: Divulgação

Uma operação conjunta da Polícia Civil e Militar resultou na prisão em flagrante de 18 pessoas suspeitas de tráficos de drogas em uma aldeia hippie na praia de Arembepe, localizada no município de Camaçari, na RMS (Região Metropolitana de Salvador). Entre os detidos está um homem que disse que é morador da aldeia e músico.

O homem revelou que morou durante 15 anos em Nova York, nos Estados Unidos, e fez parte do musical da Broadway Rei Leão.

“Sou conhecido mundialmente, fiz parte do musical da Broadway, tenho duas filhas americanas, fiz parte Balé Folclórico da Bahia, eu só moro na aldeia. Trabalho lá, faço música, levo a felicidade e a harmonia para todo mundo”.

O músico disse que estava andando na aldeia, e foi na casa de um dos hippies mais velhos da aldeia e foi levado para delegacia.

“Nunca comprei nem nunca trafiquei”.

De acordo com informações da 26ª DT (Delegacia Territorial), de Vila de Abrantes, foram apreendidas diversas drogas com o grupo como pasta base, maconha, crack e mais de 4 mil pinos de cocaína.

Ainda segundo a polícia, um dos presos é foragido da polícia.

Fonte: R7

Compartilhar: