Super salários de R$ 5OO mil são comuns entre os técnicos brasileiros

Abel Braga, Muricy Ramalho e Mano Menezes ganham os maiores salários no Brasil

Técnico São Paulino há muitos anos não sabe o que é ganhar menos de meio milhão por mês. Foto:Divulgação
Técnico São Paulino há muitos anos não sabe o que é ganhar menos de meio milhão por mês. Foto:Divulgação

Os salários dos técnicos dos doze maiores clubes do País apresentaram baixa em 2013. Segundo a Pluri Consultoria, a queda, incluindo os quatro grandes times de São Paulo e Rio, além de Atlético-MG, Cruzeiro, Grêmio e Internacional, chegou a 14% em relação ao ano anterior. Flamengo e Vasco, com Jayme de Almeida e Adilson Batista, respectivamente, tiveram as maiores reduções. Dois clubes, na contramão da tendência, passaram a gastar mais: o São Paulo, que teve variação de 67%, e o Cruzeiro (aumento de 50%). Botafogo e Atlético-MG mantiveram os salários. Oito times seguiram a tendência de queda.

De acordo com o levantamento dos especialistas, os doze times chegaram ao fim de 2013 pagando R$ 4,5 milhões a seus treinadores. Os maiores salários são de Abel Braga (Internacional), Mano Menezes (Corinthians) e Muricy Ramalho (São Paulo). No total, os treinadores receberão R$ 500 mil mensais em 2014. Dorival Júnior, do rebaixado Vasco, tem salário de R$ 470 mil.

Já Cuca, técnico campeão da Libertadores deste ano, ocupa a nona colocação no ranking, com R$ 350 mil por mês. Ele recebe o teto no Atlético-MG. O treinador do Palmeiras, Gilson Kleina, ganha R$ 200 mil. Os últimos da lista são Jayme de Almeida e Adilson Batista. O campeão da Copa do Brasil, Jayme, fatura R$ 150 mil mensais. O vascaíno, por sua vez, tem R$ 110 mil no seu contracheque.

VEJA A LISTA COMPLETA
Abel Braga (Internacional)
R$ 500 mil

Mano Menezes (Corinthians)
R$ 500 mil

Muricy Ramalho (São Paulo)
R$ 500 mil

Dorival Junior (Fluminense)
R$ 470 mil

Marcelo Oliveira (Cruzeiro)
R$ 450 mil

Renato Gaúcho (Grêmio)
R$ 450 mil

Oswaldo de Oliveira (Santos)
R$ 400 mil

Oswaldo de Oliveira (Botafogo)
R$ 380 mil

Cuca (Atlético-MG)
R$ 350 mil

Gilson Kleina (Palmeiras)
R$ 200 mil

Jayme de Almeida (Flamengo)
R$ 150 mil

Adílson Baptista (Vasco)
R$ 110 mil

Fonte:Estadão

Compartilhar: