Torcedor também tira férias

O início de temporada nunca foi fácil para os clubes do Rio Grande do Norte, principalmente para ABC e América…

O início de temporada nunca foi fácil para os clubes do Rio Grande do Norte, principalmente para ABC e América que jogam o ano inteiro e veem duplicar os gastos quando chega dezembro, período de pagamento do 13º salário, férias e rescisões contratuais. Como se não bastasse, os clubes ainda precisam iniciar as contratações de 2014, tirando dinheiro de onde não tem. A única saída para oxigenar as finanças é recorrer ao velho adiantamento da CBF, mas R$ 600 mil evaporam como água diante de tanta conta para pagar e pra piorar dizem que a CBF só está liberando “trezentinho”. Mas isso nunca foi novidade por aqui e os torcedores já estão acostumados e vacinados. Todo ano é a mesma situação e a expectativa maior acaba sempre ficando para a disputa da Série B. A serenidade e compreensão passiva do torcedor pode ser verificada na caixa de entrada de e-mails, desde que terminou o Campeonato Brasileiro está uma tranquilidade. Nada de opiniões, protestos e ofensas a dirigentes e jogadores. E vai ser assim pelos próximos dois meses, pois o torcedor também tira férias. Cobrança mesmo só em meados de janeiro, quando a bola começa a rolar. Boas férias aos torcedores alvirrubros e alvinegros e um Feliz Natal.

 

Passarela
A notícia sobre a prisão de Passarella pegou muita gente de surpresa. O ex-zagueiro da Seleção Argentina e ex-técnico do Corinthians, sempre passou a impressão de homem sério e trabalhador, e de repente, é acusado de envolvimento em um esquema de tráfico de ingressos do River Plate, quando era presidente do clube.

Ataque forte
O time de Marconi Barreto segue vencendo os amistosos preparatórios para a disputa do Estadual. No último teste, o Globo venceu o bom time do América Sub-20 por 4 a 1. Romarinho, Zé Maria, Ramon e Didi Potiguar foram os autores dos gols. Nos três amistosos de pré-temporada, já foram 25 gols marcados,  média de oito gols por partida.

Nogueirão
Uma boa notícia. O palco das equipes de Mossoró para os jogos do Campeonato Estadual está passando por uma reforma. A empresa de construção do presidente do Potiguar de Mossoró, Jorge do Rosário, está recuperando o estádio Nogueirão. O dirigente e a Liga Desportiva Mossoroense cansaram de esperar pela ajuda da prefeitura e governadora.

Amigo de Teixeira
O Barcelona levou ontem à Justiça espanhola os dois contratos que assinou com Neymar, datados de 2011 e 2013. Um membro da oposição ao presidente Sandro Rosell acusa o mandatário de desviar 40 dos 57 milhões de euros envolvidos na negociação pelo jogador. Jordi Cases levou o caso à Justiça espanhola, que irá analisar os documentos para sabe se haverá necessidade de abrir um processo contra Rosell, também envolvido em negócios com Ricardo Teixeira, ex-presidente da CBF e seu amigo pessoal.

E o camisa 10?
A procura pela camisa 10 americano está difícil. Vários nomes já foram sondados, entre eles Vander, do Vitória, e Magno Cruz, do Bragantino. Mas o América acaba esbarrando no alto salário. Está complicado, um meia regular não se encontra no mercado por menos de R$ 30 mil mensais. Tá complicado.

Falta de incentivo
As jogadoras da seleção feminina de handebol desembarcaram no Brasil festejando o título mundial conquistado na Sérvia, mas não deixaram de mostrar preocupação com o futuro do esporte. Como sempre, o esporte amador no Brasil esbarra na falta de incentivo à prática da modalidade e apoio financeiro. Mas quem sabe, o ministro Aldo Rebelo passe a investir mais no handebol de quadra e areia.

Compartilhar: