Traficante é preso ao tentar matar cliente: “sua maconha é malhada e ruim”

Vítima foi surpreendida pelo vendedor de drogas dentro de um bar do bairro Várzea

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Um traficante de 23 anos foi preso após tentar matar um cliente que disse que a maconha que ele vendia é “malhada e ruim” em Lagoa Santa, na região metropolitana de Belo Horizonte.

Moisés Batista Pereira surpreendeu a vítima, Tiago Carlos de Moura Nascimento, também de 23 anos, dentro de um bar do bairro Várzea, na madrugada desta sexta-feira (25). No entanto, o jovem conseguiu pular o balcão do estabelecimento comercial e só foi atingido por um dos quatro disparos feitos pelo traficante. O vendedor de drogas contou com a ajuda de Felipe Ventura da Silva para praticar o crime, mas o segundo suspeito, também de 23 anos, ainda não foi preso.

De acordo com a Polícia Militar, a vítima foi atingida de raspão na cabeça e encaminhada consciente ao PAM (Pronto Atendimento Municipal) da cidade. Nascimento não corre risco de morte e foi quem denunciou Pereira e Silva e contou o motivo da tentativa de homicídio. O jovem ainda revelou aos policiais que, nessa quinta-feira (24), chegou a brigar com o traficante devido à reclamação sobre a qualidade da maconha que adquiriu com ele. Porém, o desentendimento foi contido por testemunhas.

Por meio da ajuda do baleado, os militares encontraram Pereira no bairro Vila Maria, quando tentou fugir pulando muros e resistiu à prisão. Uma motocicleta usada na fuga foi apreendida com o traficante, que foi autuado em flagrante e encaminhado à Delegacia de Plantão de Lagoa Santa.

Fonte: R7

Compartilhar: