Twitter registra US$ 243 mi em receitas e alta modesta de usuários

Investidores olharam para o crescimento fraco dos usuários, assim como para o declínio das visualizações de timeline, uma medida utilizada para verificar engajamento.

A empresa publicou receitas melhores que o esperado no 4º trimestre, em seus primeiros resultados como companhia de capital aberto. Foto:Divulgação
A empresa publicou receitas melhores que o esperado no 4º trimestre, em seus primeiros resultados como companhia de capital aberto. Foto:Divulgação

A rede de microblog Twitter registrou ritmo lento no crescimento de usuários no quarto trimestre, diminuindo as esperanças de que a rede social poderá sustentar sua expansão, o que fez suas ações caírem mais de 10% nesta quarta-feira.

A empresa com sede em San Francisco publicou receitas melhores que o esperado no trimestre, de US$ 243 milhões, em seus primeiros resultados como companhia de capital aberto. Mas investidores olharam para o crescimento fraco dos usuários, assim como para o declínio das visualizações de timeline, uma medida utilizada para verificar engajamento.

O Twitter, que realizou uma antecipada oferta pública inicial de ações em novembro a um preço de US$ 26 por ação, dividiu as opiniões de investidores nos meses posteriores, enquanto ações subiram mais de US$ 66 antes dos resultados desta quarta-feira, apesar da ausência de novidades.

O crescimento de usuários, acompanhado de perto, foi hesitante. O Twitter registrou 241 milhões de usuários mensais no trimestre encerrado em dezembro, apenas 3,8% mais que no trimestre anterior – a taxa mais baixa trimestre a trimestre desde que o Twitter começou a divulgar seus dados.

As ações caíram fortemente no after market nesta quarta-feira, para US$ 58,50, queda de 11% na Bolsa de Nova York. A rede social registrou prejuízo líquido de US$ 511,5 milhões no quarto trimestre, ou perda de US$ 1,41 por ação.

Compartilhar:
    Publicidade