Vala aberta em canteiro põe em risco uso de faixa no prolongamento da Prudente

Trecho foi liberado sem sinalização e iluminação. Segundo DER, adequações serão feitas até o fim de maio

Prolongamento-da-Prudente-de-Morais---Chuva-HD

Carolina Souza

acw.souza@gmail.com

O Departamento de Estradas de Rodagem do Rio Grande do Norte (DER-RN) fez a liberação na tarde desta segunda-feira (12) de uma das faixas que estavam em obras na Avenida Omar O’Grady, prolongamento da Prudente de Morais. A medida permitiu a liberação do fluxo de veículos em sentido mão e contramão, entre o conjunto Cidade Satélite e a BR-101, desafogando o trânsito nas proximidades. Entretanto, o que chama atenção é a falta de sinalização e iluminação na parte liberada.

A falta de condições mínimas para utilização da via gera questionamentos sobre o motivo da liberação da faixa. Segundo a assessoria de imprensa do DER, as adequações necessárias, como iluminação e sinalização, estarão devidamente instaladas até o final deste mês, prazo dado para a liberação do prolongamento da Prudente em sua totalidade. Além disso, para concluir o alargamento da pista, algumas casas precisam ser desapropriadas.

Outro problema identificado pela reportagem d’O Jornal de Hoje, em visita ao local na manhã desta terça-feira (13), é a existência de uma vala em um dos trechos do canteiro central. Com uma profundidade considerável, a escavação pode provocar a abertura de uma cratera em casos de chuvas fortes. Durante o dia de hoje, a fraca chuva que caiu já deu para mostrar indícios de água corrente.

Este vespertino também chegou a questionar ap Departamento de Estradas de Rodagem sobre a existência da vala e se o canteiro central ainda passará por intervenções até a liberação total do prolongamento da Prudente da Morais. Até o fechamento desta edição, a reportagem não obteve retorno dos responsáveis pela obra.

A outra faixa que permanece interditada, com espaço destinado para mais duas pistas, será liberada ao trânsito em 15 dias, segundo garantiu o diretor geral do DER, o engenheiro Demétrio Torres. Na tarde de ontem (12), a governadora Rosalba Ciarlini divulgou que foram assegurados com a Caixa Econômica os recursos para a iluminação da avenida, não prevista no projeto original, iniciado em 2007.

Rosalba ainda lembrou que vários outros pontos precisaram ser destravados para que a construção do prolongamento da Prudente pudesse avançar. “Quando assumimos, a obra estava totalmente parada. Não havia recursos para fazer os túneis e as questões ambientais estavam pendentes. Tivemos que fazer mudanças no projeto e solucionar uma série de pontos para que as obras avançassem. Essa foi mais uma ação que o Governo assumiu e cumpriu levando em consideração os prazos para a Copa do Mundo que se aproxima”, disse.

A sinalização provisória da Avenida será instalada pela empresa executora da obra, mas que até o final do mês será feita de forma permanente. “Alertamos aos motoristas e motociclistas que trafeguem com cuidado. Tivemos que liberar a via porque muitos dos condutores furavam o bloqueio para se livrar do trânsito que está intenso com as obras de mobilidade realizadas em Natal”, destacou a governadora.

Compartilhar:
    Publicidade