Venda de voto

Fala-se muito em compra de votos, políticos desonestos e punição para quem comete crimes eleitorais e outros delitos do gênero.…

Fala-se muito em compra de votos, políticos desonestos e punição para quem comete crimes eleitorais e outros delitos do gênero. Ninguém de bom senso e minimamente coerente desconhece a existência dessas anomalias na política brasileira e que os agentes públicos flagrados no erro devem ser punidos com o rigor da lei.

Entretanto, ninguém fala que o eleitor comete os mesmos crimes e igualmente tem que ser exemplarmente punido. Quantos eleitores foram presos por vender o seu voto?. Não temos conhecimento. O mais comum, pois, é a venda, que acontece em toda eleição. E o mais grave é que a prática delituosa verifica-se predominantemente entre os que elegem os governantes que é a faixa da população situada nas chamadas classes menos favorecidas.

A venda de votos faz parte da cultura brasileira e é por isso que acabar com essa prática, ou mesmo diminuí-la é muito difícil. Tem que ser um processo de conscientização lento e contínuo que certamente levará anos para se ter resultados satisfatórios, principalmente onde o analfabetismo está majoritariamente presente no nosso meio.

Aliado a esse contexto, existe também a dependência econômica de eleitores que vendem o voto na ilusão de que melhorará sua vida.

A Justiça Eleitoral tem feito um bom trabalho visando melhorar esse cenário de degradação das eleições, mas esbarra nas limitações materiais e de pessoal para realizar uma fiscalização mais efetiva. Em razão disso, a compra e venda de votos continuam e deve perdurar por muito tempo descaracterizando o processo eleitoral que é a essência da democracia.

Modernização e revitalização

O secretário Raniere Barbosa está empenhado na modernização e revitalização da iluminação publica da capital. Iniciou um programa de substituição das atuais luminárias pelas de LED, proporcionando mais economia e melhor luminosidade. Mais segurança também. O projeto foi iniciado na orla marítima, mas deverá beneficiar diversos bairros de Natal. Raniere, que é vereador licenciado, é considerado um dos auxiliares mais eficientes da atual gestão municipal.

Lançamento do programa

O programa “RN Sustentável” instituído no governo Rosalba Ciarlini, foi lançado hoje na região do Seridó. Evento acontece no Centro Cultural Adjuto Dias e constará de uma série de ações governamentais em benefício da população. Entre elas, reforma de 3 hospitais, melhorias em 4 maternidades, esgotamento sanitário de Cerro Corá e reforma e ampliação de 12 escolas. Equipamentos de tecnologia da informação para todas as delegacias da região.

– A vice-prefeita de Natal, Wilma de Faria encontra-se hoje em Brasília para reunião com integrantes da Executiva Nacional do PSB, seu partido, receber de Eduardo Campos a liberação para ser candidata ao Senado na chapa com o PMDB, que terá Henrique Eduardo como candidato a governador. O PR, com João Maia disputando o cargo de vice-governador.

– O vereador Franklin Capistrano, presidente eleito da Câmara Municipal Natal, continua cotado para suplente de Wilma de Faria. Pelo conhecimento e potencial eleitoral que tem em Natal e pela lealdade ao partido, o PSB, e a sua presidente, Franklin Capistrano poderá agregar muito, principalmente junto à comunidade católica da qual é um fiel integrante.

– A boa atuação do vereador Júlio Protásio na liderança do prefeito de Natal mereceu manifestações de reconhecimento dos vereadores oposicionistas, Sandro Pimentel, do Psol e Fernando Lucena, do PT. Júlio tem se revelado um bom articulador.

– Benes Leocádio, prefeito de Lages e presidente da FEMURN – Federação dos Municípios do Rio Grande do Norte, não está satisfeito com o PMDB, por ter negado apoio para que ele disputasse mandato de deputado estadual. Benes não compareceu ao último encontro do partido, externando assim, sua insatisfação.

– Vereador Chagas Catarino, do PROS, está sendo incentivado a disputar mandato de deputado estadual nas eleições deste ano. A projeção é que ele terá entre 20 a 25 mil votos só em Natal. Chagas foi o terceiro mais votado em Natal com mais de 8 mil votos.

– O procurador do Estado, José Duarte Santana fará palestra sobre a profissão de procurador na Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Será no dia 29 de abril às 17:30 horas no campus de Caicó.

– Aldo Torquato, vereador do PT de João Câmara poderá disputar mandato de deputado estadual nas eleições de outubro. Depende das composições políticas que o seu partido fará este ano.

– O professor José Pegado saudou os 47 novos advogados credenciados pela OAB através do Exame da Ordem. Na oportunidade, ele foi homenageado pelos 22 anos no exercício da profissão de advogado.

– O trabalho de saneamento básico de Parnamirim, que será a primeira cidade totalmente saneada no Rio Grande do Norte, foi confiado pelo prefeito Maurício Marques ao secretário Naur Ferreira, que vem cumprindo todo o cronograma pré-estabelecido. Naur é um dos auxiliares mais próximos do prefeito.

– De boa qualidade editorial a revista “Aliança”, de responsabilidade de Antonio Ferreira Lima Júnior. Na última edição traz uma importante entrevista com o pastor Wanderley Duarte, que antes de evangélico foi jogador de futebol.

– Para refletir: “A política é o governo da opinião”. (C. Bini)

Compartilhar: