Viciado em crack é executado em São Gonçalo na frente da mãe

Apesar da violência contra o filho, a mãe de Bruno Augusto foi poupada pelos criminosos.

Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Um jovem de 23 anos foi executado na noite desta quinta-feira (1º), na avenida Pedro Afonso, no bairro Santo Antônio, em São Gonçalo do Amarante, região metropolitana. Bruno Augusto Freitas Ferreira da Silva caminhava ao lado da mãe quando foi alvejado por tiros de pistola disparados por uma dupla em uma moto.

De acordo com o delegado Jorge Lobo, da Delegacia de Plantão da Zona Norte, a morte do jovem é mais um desafio para a polícia, que não encontrou nenhuma testemunha e não teve sucesso quando indagou moradores sobre o fato. “A lei do silencio é algo que se tornou muito presente em todos os lugares. As pessoas se omitem, ou até mesmo fogem quando são perguntadas sobre algum acontecimento envolvendo assassinatos”, disse.

A reportagem do Portal BO conversou com a mãe da vítima, a mulher que preferiu não ter a identidade divulgada relatou que o filho era viciado em drogas desde os 15 anos e que já chegou inclusive a roubar produtos da própria casa para comprar crack. “Eu fiz de tudo para ele se livrar da droga. Quando ele fez 15 anos começou no lolo, passou para a maconha, mas quando veio o crack tudo foi destruído”, disse.

A Polícia Militar isolou o local do crime, mas não conseguiu localizar ou identificar os dois homens que chegaram em uma moto, de modelo e placas desconhecidos. Ainda segundo o delegado o assassinato pode ter sido motivado por um acerto de contas motivado por dívida de drogas.

Fonte: Portal BO

Compartilhar:
    Publicidade