Cansado de esperar, idoso opera a própria hérnia com estilete

CPI da Saúde investiga o caso e pede explicações a Secretaria de Saúde

Seu Orlando conta como fez a cirurgia. Foto:Divulgação
Seu Orlando conta como fez a cirurgia. Foto:Divulgação

Seu Orlando tem 84 anos e há pelo menos 4 vinha sofrendo com uma hérnia. Em abril do ano passado ele chegou a ser levado para a UPA II, e com muita dor foi medicado e voltou para casa.

Há quase um ano seu Orlando aguarda pela cirurgia, mas esse dia nunca chegava. Cansado de tanto esperar e não suportando mais tantas dores, num momento de desespero ele decidiu se operar sozinho e cortar a hérnia por conta própria.

“Eu não aguentava a dor, não podia subir e descer escada, não aguentava mais. Aí fui tomar banho e resolvi passar a faca, operei de uma vez”.

O único instrumento usado para se auto mutilar foi um estilete, mesmo sendo perigoso para ele a dor do corte foi bem menor que o sofrimento que ele vinha sentindo. “O local já estava muito infeccionado, então não dava para ter medo, era cortar e segurar”.

Quando a esposa de seu Orlando ficou sabendo do que ele fez, ela ficou assustada, mas entendeu o que foi feito. “A gente via a dor que ele sentia, que não dava mais para segurar”.

Depois de tanto tempo esperando, finalmente seu Orlando recebeu uma ligação da Unidade Básica de Saúde marcando uma avaliação, mas aí já não adiantava mais, pois já estava operado.

O caso foi denunciado a CPI da Saúde e não deve cair no esquecimento, e deve ser juntado aos autos das investigações, além de ser cobrado da Secretaria Municipal o caso e situações como essa do seu Orlando.

“Temos que pedir para que a secretaria tome providências, e dizer realmente a população de Cascavel que está faltando leitos”, vereador João Paulo.

http://terratv.terra.com.br/trs/video/7321370

Fonte:Terra

Compartilhar: